Acompanha as minhas Novidades & Partilhas sobre Personal Branding

Subscreve e recebe via email novidades e eventos sobre Personal Branding.

Análise Arquetípica & Personal Branding #1 Michelle Obama

Este é o primeiro artigo de uma série de 20 análises a Marcas Pessoais com as quais acredito podemos aprender e refletir sobre o que é de fato isto de construir e viver uma Marca Pessoal. Ao longo destes artigos irei recorrer à abordagem profunda e simbólica e analisarei cada marca abordando 5 dimensões essenciais:VOZ, PRESENÇA, ESTILO PESSOAL, VISÃO DO MUNDO e IMPATO.Viajaremos através de cada Marca ao ritmo da leitura simbólica que faço da sua história. Pronta(o)?

Michelle LaVaughn Robinson Obama. Em 2018 lança Becoming, um livro auto-biográfico onde numa abordagem pessoal, clara e honesta nos conduz pela história da sua vida, das suas circunstâncias e decisões, conduzindo-nos pelas suas dimensões públicas e privadas. Confesso um carinho especial por literatura autobiográfica porque acredito que humaniza as estrelas e nos aproxima todos, através das memórias individuais, das principais aprendizagens do ser humano, deixando-nos como herança mais algumas pistas do enorme mistério que é o nascimento e a morte da Persona e do Ego, na jornada que todos fazemos, o processo de Individuação. 

1. O IMPERADOR / a IMPERATRIZ

Este é provavelmente o arquétipo mais público da Michelle. O arquétipo do Rei fala-nos de Autoridade, Liderança e Responsabilidade. A história que este arquétipo nos conta é de alguém que herda um reino, muitas vezes em estado caótico, e responsabilidade de restaurar a sua Paz, a Ordem e Prosperidade. 
Tal como este arquétipo a Marca Pessoal da Michelle fala-nos de uma história de Poder. O poder para cuidar da Sociedade a que pertence, assumindo uma liderança assertiva e ativa para valores sociais como a cidadania, a inclusão, a diversidade, proteção e igualdade. Orientada para a Ação, 

Uma presença carismática, comprometida e clara procura eficiência nas soluções políticas e apela constantemente a que outros a sigam na sua Visão, especialmente nas camadas mais jovens. A sua ação está essencialmente focada na Educação e na mensagem às próximas gerações. Exemplo disto é uma das suas últimas iniciativas, A Girls Opportunity Alliance é uma das iniciativas à qual dedica mais tempo, especialmente após o término de funções na Casa Branca. 

Um dos principais desafios do Arquétipo da Rainha/Imperatriz para as mulheres é a capacidade de recriarem a visão de Liderança que herdaram de um sistema patriarcal, resistindo à necessidade inconsciente de encaixar numa definição de Liderança tradicional. A Rainha tem também o potencial de trazer Beleza para a forma como lidera. A sua força desperta exatamente no encontro entre a Assertividade, a capacidade de Organização e a Benevolência e Inteligência Emocional.

2. A Mãe Universal
O Arquétipo da Mãe traz à Marca da Michelle a qualidade da Proximidade e abundância com que brinda com a sua presença. O Amor Universal de quem tem um profundo amor à Humanidade e o movimento para construir ambientes colaborativos baseados nos valores de Familia e Comunidade bem como o respeito e o honrar da sua ancestralidade. Serve o outro sem se perder a si mesma e a sua expressão corporal manifesta conforto, sensibilidade e inteligência emocional. O seu corpo é nutridor e acolhe (ver abaixo sobre O Poder do Abraço) e o seu poder cresce precisamente por se coloca ao serviço do Outro. Numa época de liberação e de neofeminismo, o seu papel numa posição de destaque veio sublinhar a emergência de uma nova forma de Poder mediada pelo Coração e pelo Serviço. 
Ao longo dos anos Michelle vem reforçando a importância da Nutrição e do auto-cuidado, promovendo exercício físico e um estilo de vida saudável. Vale a pena conhecer a banda sonora para exercício da Flotus aqui.

3. O Estudante
Desde cedo ao longo da presidência de Barack foi conhecida o especial interesse que Michelle dota à Educação. Muito do seu trabalho pós Casa Branca foca-se no desenvolvimento de iniciativas no campo da literacia e educação de Jovens e Meninas.  Esta força invisivel projeta a necessidade do Estudante de preservar e motivar para a Aprendizagem do Colectivo.  A preservação e integração do Conhecimento dentro e fora das unidades de aprendizagem tradicionais e a inspiração na criação de plataformas de troca e motivação para a Aprendizagem do Estudante, surgem refletidas nas iniciativas a que se dedica regularmente como a GIRLS OPPORTUNITY ALLIANCE e o ROOM TO READ.

ESTILO PESSOAL: DESENVOLVIMENTO DE IDENTIDADE VISUAL DE MICHELLE OBAMA 

O equilíbrio entre o YING e o YANG

Lembro-me de logo nos primeiros meses de mandato do Barack Obama na Casa Branca ler algum trash media sobre a aparência masculina da Michelle. A verdade é que olhando para a história de Mulheres na Casa Branca (Ahh… aquele Vermelho à Nancy Reagan), de aparência mais delicada e estrutura corporal suave, Michelle vem trazer uma nova forma de ver a white house wife fazendo-o também através da sua aparência e estilo.

Michelle tem uma linha corporal longa, uma estrutura óssea estrutural e musculada. A sua estrutura corporal comunica uma energia YANG, de força e resiliência. Alinhado com os dos seus arquétipos principais, o Imperador/a Imperatriz, apresenta uma presença física poderosa e intensa. Os primeiros anos na Casa Branca (mais no 1º mandato) mostram um estilo pessoal que acentua estes traços pela escolha de roupa com tailoring, cortes estruturados e composições mais clássicas.

Com o passar do tempo foi arriscando mais e trazendo mais YING para a sua Imagem, refinando a sua Identidade Visual com tecidos mais leves, cortes mais soltos e arriscando com looks mais sofisticados e monocromáticos, suportando a essência crescente da sua imagem: maior proximidade com o público, nutrição, cuidado, informalidade e abertura.

Presença Energética

Uma das principais características em relação à sua linguagem corporal é o Abraço. O seu abraço traz uma intimidade física que sublinha a sua atitude de proximidade e quebra muitas situações de formalidade e protocolo. Esta sua forma de abraçar traz para o encontro uma Aura de Compaixão e Amor. Apesar do que se possa pensar este PODER DO ABRAÇO corresponde a um movimento interno natural que comunica proximidade e poder.

Este website utiliza cookies para propósito de análise estatistica. Ao escolheres continuar estás a concordar com a política de privacidade + política de cookies.